I really, really love you.

5 dez

Ela: eu não sou nada atraente. Digo, nada demais, apenas bonitinha, talvez arrumadinha…
Ele: não, você não é bonitinha.
Ela: e eu não sei porque você se apaixonaria por mim…
Ele: eu também não sei.
Ela: eu queria mesmo que você me abraçasse agora…
Ele: eu não quero te abraçar, ainda mais agora.
Ela: eu morro de ciúmes quando você fala com outras meninas…
Ele: sim, eu realmente falo com muitas.
Ela: olha, se for pra concordar com tudo, pode ir embora.
(…)
Ele: não, você não é bonitinha… Você é perfeita. Eu realmente não sei porque me apaixonaria por você, mas já me apaixonei, e foi a melhor coisa que já fiz. Eu não quero te abraçar, porque eu preciso te beijar nesse momento. E eu falo com muitas, muitas garotas… E fico falando sempre sobre você. Elas se encantam com o nosso amor.
Ela: eu te amo.
Ele: eu sempre te amei.

With love, Nati.

Anúncios

3 Respostas to “I really, really love you.”

  1. Dani 6 de dezembro de 2010 às 14:00 #

    Ficou clichê, mas fofo.

  2. Lari 7 de dezembro de 2010 às 0:38 #

    QUE PERFEITO *–*
    vc é sempre mt fofa natiii, acho lindo !

  3. lu 19 de dezembro de 2010 às 21:34 #

    adorei :)

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: