Old, new, forever.

19 set

Friendship never end.

“I’ll be there for you!”

Se lembrar de algo é abrir a ferida da saudade. Lembrancas podem ser boas ou ruins, mas sempre trazem o gosto da lagrima, e por umas vezes acompanhada de sorrisos. Me lembro de muitas coisas, a maioria sao apenas sorrisos, sem as exatas lagrimas, mas os olhos se enxem um pouco. Me lembro de quando fui feliz, de quando eu era sincera, tinha mais amigos, sabia confiar e deixar com que confiassem em mim; Tira sempre o sorriso em mente, e nada mais me importava. Os amigos me traziam conforto e eu me sentia abigada, ninguem brigava com ninguem. Nossas brincadeiras eram as melhores, os “apelidos” eram ridiculos, e os motivos para ficarmos bravos passava em questao de segundos. Nao tinha como confundir amizade com “gostar”; Era tudo simples, facil. Ninguem precisava fingir estar bem, eramos todos sinceros, e quando ficavamos bravos, os outros amigos nos acolhiam e nos davam abracos. Nao precisava estar em lugar bonito, nao precisava pensar em classe social, nao precisava pensar em quantas horas passariamos juntos, qual brincadeira seria a melhor, qual o momento certo pra falar… Tudo acontecia naturalmente, e nao tinha um amigo que era mais importante que outro, todos eram iguais ali dentro. Nenhuma limitacao existia entre nos, e quanto mais amigos pro nosso “grupo”, melhor. Ninguem se importava com beleza, o importante era estar ali; Nao havia falsidade, comentarios despreziveis, diferencas, dentre outros; Eramos felizes sem motivo algum, eramos nos, e nao precisavamos ser mais ninguem.
Hoje muita coisa mudou, classe social sempre entra em jogo, o recismo esta presente em muitos, as risadas falsas percebo no tom de voz, os comentarios sao sobre roupas e jeito, educacao sempre diminuindo, o respeito talvez ja nao exista tanto, os amigos nao sao tao amigos assim(a marioria), as conversas sao jogadas foras, dao importancia ao lugar onde se encontrariam é maior que quem estaria la, a marca vale, o coracao nao mais;  Tudo mudou e o jeito como sorrimos e falamos ja nao é mais o mesmo. A inocencia se foi, junto com o vento que balancava meus cabelos, e que agora leva minhas historias. Foi num simples piscar de olhos que deixei minha infacia para tras, que deixei alguns bons amigos para tras, que alguns mudaram muito, que uns queridos morreram…
Sorte minha ter amigos que ainda guardam um pouco do que é velho, e gracas a eles, bons sorrisos e momenos sinceros ainda permanecem. Sinto falta do que se foi, mas trago alguns poucos comigo, e pra sempre terei por perto de mim. Obrigada, amigos, por me fazerem viver.

With a heart fill of friends, Sarah.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: