Somebody help me.

5 ago

Espero que alguem me "salve"

” And I may feel like a fool. ” – I guess I’m fool, or maybe just blind for a while.

Tudo se virou contra mim. Todas as minhas opcoes, todas as minhas vontades, todas as opinioes, todas as coisas boas, e TUDO esta ao avesso. Nao sei como me sinto exatamente. Tenho sempre minhas felicidades “temporarias”, ou melhor, tenho minhas distracoes. Mas toda vez, antes de dormir, me lembro dele. Nao tenho como negar, nao tenho como mentir. Ele me fez a melhor pessoa, ele me fez muito feliz, ele me fez bem durante 4 meses. 4 longos meses que pareciam anos, os quais eu teria vivido muito bem com ele. Ele mudou, esta muito diferente. Todas as suas palavras parecem ser normais. A magica que tinhamos se foi, e nao sei se vou recupera-la mais. Na verdade, nao sei nem se existiu essa “coisa toda” entre nos. Suas palavras e indiretas costumavam me fazer sorrir em frente ao computador, cada vez que eu lia uma frase, o meu sorriso se abria mais. Eu mal piscava lendo suas mensagens que ele costumava me mandar todos os dias. Eu o amava, sim, demais. Tudo foi diminuindo. As mensagens que eram diarias se tornaram semanais; Os sorrisos comecaram a vir a cada dois dias; Minha alegria foi comecando a desaparecer; Suas indiretas ja nem tinham mais; Palavras pra mim? Nunca. Eram sempre para amigos ou falando sobre odio. Ele deixou de acreditar em nos, no amor,  e em tudo que o fazia feliz. Sabe por que ele se sente mal? So por isso. So por ele nao acreditar mais em nada. So lhe restou a tristeza, a qual esta ao lado dele agora, e so saira quando ele deixar de “acreditar” nela. Nao tenho muito o que falar. Estou mais confusa do que qualquer outra pessoa na face da Terra. Enquanto suas palavras pairavam pelo ar, eu podia sentir seu cheiro, podia me imaginar com ele a cada mensagem recebida. Hoje, me imagino sentada, de baixo da chuva, sem ninguem ao meu lado, sem amor, sem raiva, sem abracos, sem carinho, sem beijos, sem olhares, sem mensagens, sem sorrisos, sem indiretas, sem vida, sem cor, sem amigos, sem nada. Me imagino como uma pessoa desprezivel; Talvez essa ja seja a minha realidade, mas ainda tenho algumas pessoas ao meu lado. Eu gostaria de ter alguem comigo, alguem que pudesse me abracar, me sentir, estar comigo sempre, me aconselhar, ser meu amigo acima de tudo; Alguem que secasse minhas lagrimas quando eu comecasse a deixar com que elas escorressem. Alguem que me escrevesse sempre, dizendo e demonstrando o quano me ama. Mas, acho que nunca vou ser feliz entao, porque sou exigente demais. Talvez o tempo e as pessoas tenham me cegado, mas um dia voltarei a ter sonos normais, voltarei a ter meus velhos sorrisos falsos, voltarei a ser apenas a garota que caminha, escreve, canta. Voltarei a minha rotina velha, boba e chata. Mas pelo menos sairei da tristeza. Alguem podia aparecer no meu caminho, e me oferecer o amor.. Mas acho que seria demais de minha parte imaginar que isso realmente fosse acontecer.

With a weird feeling, Sarah.

Anúncios

3 Respostas to “Somebody help me.”

  1. Tila Miranda 5 de agosto de 2010 às 17:36 #

    I’m not pretty sure, gatinha, mas você tá provando a vida.
    É aquela coisa, aparece alguém que desperta aquilo tudo e depois simplesmente foge. Pronto, sumiu, cabou. Parece até que eles digerem mais rapido que nós.
    Eu entendo você, porque talvez, além de exigente demais, sonhe e espere demais sem nem sequer perceber.
    Depois que vamos crescendo, avançando e aprendendo, percebemos que era cedo demais para colocar tanta corda no pescoço e tão pouco apoio nos pés.
    Já que está chovendo, aproveite a chuva, mas não de forma reflexiva. Pare de pensar, a magia da vida é não pensar em nada.

    (:

    • Giovanna Diniz 5 de agosto de 2010 às 22:40 #

      Acho que todos nós (as meninas) vivemos algo assim. É engraçado como no começo o coração pode expoldir de felicidade, e você percebe que já escutou dua música favorita umas 20 vezes, mas chega uma hora que a tristeza toma conta e até o que você gostava parece não fazer sentido… Eu também me senti assim!
      :)

      • somegirlsdo 6 de agosto de 2010 às 0:05 #

        own…calma garota!essas coisas acontecem, paar agente aprender,…mas vc vai amar de novo sim , outra pessoa vai te amar de novo, simmm…fica calma,….
        namorei por 4 amos, com uma pessoa q amei, quase amsi q minha prorpia vida,…e nosso namoro acabou,…pode ser q o amor não,…mas essas coisas acontecem , pra você aprender como agir, a controlar seus sentimentos, a crescer como pessoa,..eu me tornei muito mais mulher depois desta experiência…pensa nisso, no q vc aprendeu!
        e…se quiser conversar, respode, ou dixa um comentario no meu blog http://uncontrolablefellings.wordpress.com/
        Beijinhos!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: