Confiança, ainda…

24 jun

“É possível amar e não ser feliz. É possível ser feliz e não amar. Mas amar e, simultaneamente ser feliz, isso seria um milagre.” (Balzac)

Porque será que é tão difícil? Naão deveria ser assim. Era para ser simples: eu e você, juntos e felizes. Mas, a cada dia, é uma nova notícia que chega aos meus ouvidos. A cada dia, uma nova pessoa me conta alguma coisa que me aborrece e que faz minha confiança, que já é pequena, se abalar ainda mais. Quer dizer, me parece que as coisas que você diz são verdade, e eu quero muito, muito acreditas, mas, as coisas que me contam encaixam tão bem! E eu realmente quero acreditar em você, mas é cada vez mais difícil.

Mas é que o seu abraço me faz tão bem… Me faz esquecer o resto do mundo e me concentrar apenas em você, nos teus braços, e no teu cheiro… e aí eu me esqueço do que todos me dizem. E eu queria mesmo, era fugir com você para um lugar isolado de todos, aonde pudéssemos ser felizes sem nos preocuparmos com o resto do mundo.

 

Boa tarde, amores

# Jess;

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: