At last…

19 maio

” Its 22:22, Im here trying to sleep, but you dont get out of my old remembers, of my old days, of my past. “

Eu fui dormir, meio cedo dessa vez… Eram 21:40 e eu fui me deitar. Não tinha nada para fazer e minha mente estava calada assim como eu. Não conseguia escrever, estava desanimada demais, e pensando no quanto voce faz falta. Não é exatamente uma falta de você, mas daqueles dias sim; Eram dias onde eu me sentia bem, minha felicidade era “perpetua” enquanto com você, e minha mente vivia cheia de idéias. Eu não me calava, assim como meu coração. Mas eu não conseguia acreditar na ideia de você realmente me amar e quando eu ia dormir tudo ficava escuro, minha mente, meus pensamentos, meus sonhos. Eu gostava de você mas não o suficiente para acreditar no “nosso” amor. Então tomei um caminho diferente, comecei a seguir em frente só e sem nenhum abraço, de ninguém. No começo foi bom; Eu conheci pessoas novas e ria muito ao lado de tanta gente diferente.. Mas com o passar do tempo, fui vendo que a alegria que eles me traziam era passageira, e tudo o que se tornou sem voce, ou seja minha vida, ficou chato; Eu via graça até em seus olhos e voce me trazia tamanha felicidade… Era realmente uma felicidade e não essas alegrias passageiras. Comecei a sentir sua falta; Falta de quando eu era feliz e não sabia; Falta de quando eu conseguia ser eu, sem ter que fingir nada; Falta de quando alguém me amava de verdade e não por “interesses”; Falta de dias tão perfeitos, falta de um tudo. Mas meu mundo acabou, e minha vida agora desabava… Não sabia como me recuperar, e não tinha amigos verdadeiros que eu pudesse me apoiar. Não tinha pra onde correr, não tinha onde ficar. Minha alma gritava seu nome, mas você não ouvia; Até que um dia, tinha que me socorrer em algum braço, e eu fui para os seus, procurando alívio, conforto, paz, amor, amizade, sossego, apoio… Tudo! E foi em você que voltei a ser feliz, mas como amigo. Agora eram 22:22, e eu tinha que fazer um pedido… Então pedi pra que você nunca se fosse, porque você, por incrível que pareça, me faz bem.

Boa noite, sofredores(or not);                                                    //Sarah

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: