Só para não esquecer.

18 mar

Ao contar-lhe essa história, sinta-se como se estivesse segurando minha mão. Não posso imaginar seu rosto e nem seu cheiro mais preciso que esteja segurando minha mão. Desde pequena nunca fui tão sem juízo, não que tenha mudado muita coisa mas eu sabia mais ou menos o que era o certo e o errado. Não era certo brigar, roubar, matar, machucar. Mas, era certo sorrir. Eu sempre gostava de ver as pessoas sorrindo e felizes, acho que é uma caracteristica que levo até hoje, eu me importo demais com as pessoas, não sei se é um defeito. Em um dia de sol, eu não tinha nem tamanho, dei o ultimo abraço em alguém que me era como um segundo coração. Eu senti que era o último dia. Uma parte do meu corpo da qual eu nunca queria que tivesse longe se foi. O tempo passou, o tempo passa tão rápido. Hoje, com mais juízo, com mais partes preenchidas e grudadas feito tatuagens em meu corpo, ainda existe o receio de que elas sumam também. E, por isso eu sempre deixo quem passa por mim com algo de bom, a gente só repara que tudo vira pó quando acontece conosco. E segurando sua mão, de coração, eu espero que saiba que todo mundo que você ama um dia, quem sabe, se vai. Por favor, faça ela saber que você a ama, todos os dias. O amanhã é incerto e disso todos sabemos, mas, o seu sentimento não é, passe o tempo que for.

“Pode parecer bobo, mas, se eu conseguir fazer pelo menos uma pessoa dizer o quanto a outra é importante pra ela, vou me sentir muito feliz. Mesmo se for só por um simples aperto de mão recheado com um sorriso.”

Não é de minha autoria. Créditos à Miracles

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: